BANNER AUTOWILLE

Mulher de líder do tráfico do Ceará é presa em hotel na Barra no Rio de Janeiro.

Contra Marlene dos Santos Mesquista havia um mandado de prisão em aberto pelo crime de organização criminosa

0

A mulher de um dos líderes do tráfico do estado de Ceará, Marlene dos Santos Mesquita foi presa, nesta quinta-feira (23), em um hotel da Barra da Tijuca, na Zona Oeste. Contra ela havia um mandado de prisão em aberto pelo crime de organização criminosa. Marlene seria mulher de Anastacio Paiva Pereira, conhecido como ‘Doze’ ou ‘Paizão’.
Anastacio é um dos traficantes mais procurados do Ceará. Radicado na cidade de Santa Quitéria, hoje tem influência em quase toda a região norte do estado, com atuação do litoral ao sertão cearense. Ele é apontado como o líder do Comando Vermelho no norte do país, tendo em seu desfavor 4 mandados de prisão em aberto pelos crimes de homicídio, integrar organização criminosa, tráfico de drogas, corrupção de menores e entre outros. De acordo com a Polícia Civil, ele é indivíduo de extrema periculosidade e, mesmo à distância, comanda o tráfico.
O mandado de prisão de Marlene é por integrar a mesma organização criminosa de seu marido, especificamente no núcleo financeiro, que promovia a lavagem de dinheiro.
Ela foi capturada após o setor de inteligência da delegacia DESARME obter a confirmação de sua identidade com a Polícia Civil do Ceará. Os pais dela se hospedaram em uma pousada na ilha da Gigóia, Barra da Tijuca, onde ela foi capturada ao visitá-los.
A mulher estava usando uma identidade falsa, em nome de Emanuele de Souza Oliveira, sendo autuada em flagrante pelo crime de uso de documento falso. Foram encontrados com ela telefones celulares, um notebook, jóias, a quantia de R$ 11 mil em espécie e um veículo Fiat Toro.
Marlene estava morando no Rio de Janeiro há pelo menos dois anos, residindo em comunidades vinculadas à facção criminosa Comando Vermelho, juntamente com seu marido, Anastacio.

PASTELARIALOPES

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

error: Content is protected !!